Preço do aluguel para novos contratos já subiu mais que a inflação em 2018, diz FipeZap | CRECI/DF
Banner topo

Brasília, 16/10/2018

Preço do aluguel para novos contratos já subiu mais que a inflação em 2018, diz FipeZap

O preço médio de anúncios de novos contratos de aluguel residencial já subiu mais que a inflação neste ano. É o que apontam dados divulgados nesta quarta-feira (16) na pesquisa FipeZap, que mostra avanço de 1,77% dos preços de locação – contra inflação de 0,92% no mesmo período, considerando o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

De março para abril, o aumento de preços foi de 0,29% – também acima da inflação no mesmo período, de 0,22%.

No entanto, em 1 ano, os preços tiveram alta de 0,5% – avanço bem menor que a inflação de 2,76% no mesmo período. Isso significa que, em 1 ano, o preço médio dos anúncios de aluguel teve queda real de 2,2%.

A pesquisa monitora os preços em 15 cidades, e considera apenas os valores anunciados dos imóveis, e não o valor final da negociação. No caso dos aluguéis, os contratos já em andamento são geralmente ajustados pelo Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M), da Fundação Getúlio Vargas (FGV).

 

Com maior oferta de procura, valor do aluguel cai em São Carlos (SP) (Foto: Felipe Lazzarotto/EPTV)

 

Fonte: Portal G1