Corretores de Imóveis brasileiros ingressam no mercado imobiliário internacional | CRECI/DF
Banner topo
Banner topo
Banner topo

Brasília, 21/01/2018

Corretores de Imóveis brasileiros ingressam no mercado imobiliário internacional

O Sistema Cofeci-Creci e o Conselho Regional de Corretores de Imóveis da 8ª Região (CRECI/DF) realizaram em Brasília, o curso Certified International Property Specialist (Cips), voltado à formação de especialistas em negócios imobiliários internacionais, com o apoio da Latam Cila e a Associação dos Corretores de Imóveis dos Estados Unidos (Nar), entidade com mais de 100 anos de existência, com participação em mais de 60 países.

A turma contou com 39 participantes de todas as partes do Brasil, numa troca de experiências das mais enriquecedoras, pela diversidade cultural e de formação acadêmica.

Instrutores de alto nível

O curso foi ministrado pela instrutora NAR global Aida Turbow e pelo presidente eleito da Confederação Imobiliária Latino Americana (Cila), Luiz Fernando Barcellos e ao final os concluintes obtiveram a certificação através da Nar, após aprovação nos módulos do exame aplicado.

Os temas abordados foram A Europa e os imóveis internacionais, A América e os imóveis internacionais, A Ásia e os imóveis internacionais, Negócios imobiliários globais e Os negócios Imobiliários nos EUA .

Segundo Thamara Bastos, Corretora da Paraíba, o curso Cips lhe deu elementos concretos e realistas para atender clientes internacionais que buscam imóveis no Brasil, através de aulas dinâmicas, objetivas e muito bem elaboradas, ministradas por pessoas experientes e preocupadas na qualidade do aprendizado.

Curso superou expectativas

“Após a obtenção da certificação, passei a constar no grupo de membros da National Association of Realtors (Nar). Esse curso superou minhas expectativas e significou para mim a verdadeira porta de entrada para este mundo de oportunidades internacionais, pois identifiquei nele a oportunidade para me torna uma profissional capacitada nas relações imobiliárias em níveis nacional e internacional”, afirmou Thamara Bastos.

Com informações do portal Diário do Sertão.