Imóveis do Plano Piloto estão mais baratos | CRECI/DF
Banner topo
Banner topo

Brasília, 15/12/2017

Imóveis do Plano Piloto estão mais baratos

 

DA REDAÇÃO CRECI/DF

Os imóveis da região central de Brasília estão mais baratos para negociação. Segundo o Relatório de Mercado, as unidades disponíveis a venda apresentaram redução de 0,8% no valor final, com metro quadrado (m²) custando em média R$ 7.775 – Dados Wimoveis Idex.

O estudo foi realizado em julho, deste ano, com base nos imóveis usados colocados à venda no portal Wimoveis.

Para o presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis da 8ª Região (CRECI/DF), Hermes Alcântara, a baixa nos valores é consequência da crise econômica do país porém “o mercado apresenta ótimas opções para quem quer comprar imóveis, com a diminuição do número de ofertas e a retomada da economia que virá nos próximos meses, estes valores tendem a aumentar”, citou.

A pesquisa mostrou que as outras cidades também tiveram redução nos valores de comercialização. A queda mais brusca foi encontrada no Gama com -1,1% e m² com valor de R$ 3.480, seguido por Santa Maria e Riacho Fundo (-1,0 e m² de R$ 2.845 e 3.894 respectivamente), .

Mas nem todas as cidades tiveram redução, Vicente Pires apresentou valorização de 1,6% no valor do metro quadrado dos imóveis, que custou em média por R$ 2.952; no Núcleo Bandeirante o aumento foi de 1,3% e o m²  de R$ 4.208; em Ceilândia com 0,8%, custando em média R$ 3.888/m².   

“Apesar da redução dos preços de venda, Brasília possui, ainda, um alto valor para locação de imóveis em relação às outras cidades do Distrito Federal. Porém, com a boa rentabilidade a capital federal é uma excelente oportunidade para quem deseja investir no mercado imobiliário”, destaca Mateo Cuadras, CEO do Wimoveis.

No setor de aluguéis, o ranking identificou na região central, o valor médio para aluguel de R$ 2.280 ou seja, quase o dobro dos preços cobrados nas cidades próximas como Águas Claras, a menos de 20 km da capital. Enquanto, Santa Maria, apresenta o aluguel mais econômico, R$ 812,00.

Para aqueles desejam investir em imóveis no Distrito Federal, o relatório verificou, ainda, que a cidade de Sobradinho, possui a maior rentabilidade média anual, 7,4%. Em segundo lugar, aparece Vicente Pires, com 5,9% e, na sequência, Brasília com 5,5%, igual o mês anterior e acima de importantes cidades brasileiras como São Paulo, Rio de Janeiro e Curitiba. Já Guará e Santa Maria, apresentam as rentabilidades mais baixas entre as cidades com 4,2% e 4,1%, respectivamente.